Heineken arranca com obras de fábrica em Moçambique

0 98

 

O grupo cervejeiro holandês Heineken lançou a primeira pedra da sua fábrica em Moçambique. A unidade industrial está orçada em 100 milhões de dólares (84 milhões de euros) e poderá criar 200 empregos diretos. O acionista maioritário da Central de Cervejas está no mercado moçambicano desde 2016 e agora dá um passo em frente na ligação ao País. A fábrica, localizada no distrito de Marracuene, terá capacidade de 800 mil hectolitros de cerveja e deverá arrancar a laboração no primeiro semestre de 2019.

TAMBÉM PODERÁ GOSTAR DE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Seu endereço de email não será publicado.